Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de 

Aparelho Dentário ?

Preço do tratamento de Aparelho Dentário ?

logo principal AngelSmile

Aparelho Dentário

Aparelhos Dentários – Guia atualizado (2021): o que são, para que servem, os tipos e os preços?

Imagem de jovem a sorrir com aparelho dentário

Se tem os dentes desalinhados e esse é um problema que quer resolver, leia com atenção este artigo porque vamos abordar, de forma muito detalhada, o tema dos aparelhos dentários.

Aproveite para tirar todas as suas dúvidas.

correção ortodôntica do sorriso e da oclusão pode ser feita, mesmo em adultos, de forma bastante previsível, obtendo-se sempre excelentes resultados. 

O impacto de um sorriso desalinhado na autoestima e, até, na função mastigatória, traz muitos pacientes, de todas as idades, aos nossos consultórios.

São várias as opções que tem à sua disposição. Perceba qual a que melhor se adequa a si, consoante as suas necessidades, gostos e objetivos. 

Vamos a isso?

O que é o aparelho dentário? E para que serve?

Os aparelhos dentários são utilizados para corrigir problemas de posicionamento dos dentes, dos maxilares e, como tal, também da mordida. 

São usados, na maior parte das vezes, durante a adolescência, mas também podem ser utilizados na fase adulta. Não há restrição de idade.

Em termos gerais, é um instrumento dentário que exerce pressão nos dentes e que os vai puxando, dia após dia, para a posição correta. 

O aparelho dentário tem a capacidade de corrigir vários problemas, tais como:

  • Rotações e apinhamento dentário: quando existe algum dente torto ou fora de posição.
  • Diastemas: são espaços que podem surgir entre os nossos dentes. Podem ser fechados com a colocação do aparelho, mas é necessário avaliar por que razão existem. Se for por falta de proporção, no final do tratamento ortodôntico é necessário recorrer a outro tratamento, como facetas ou restauração estética.
  • Dentes projetados: acontece quando os dentes, superiores ou inferiores, estão projetados em relação ao outro maxilar. Para além de grande impacto estético, este problema pode causar nos pacientes muita dificuldade na mastigação e corte dos alimentos.
  • Mordida aberta: existe quando os dentes do maxilar superior não conseguem contactar com os do maxilar inferior, não conseguem ocluir.
  • Mordida cruzada: Acontece quando os dentes do maxilar superior encaixam por dentro dos do maxilar inferior.
  • Pré-reabilitação: Quando se remove um dente e não se coloca implante de imediato, esse espaço vai sendo ocupado pelos dentes adjacentes, que vão inclinando. A desinclinação, para ser possível a reabilitação do espaço edêntulo, necessita ser feita com aparelho ortodôntico que pode ser colocado apenas parcialmente na zona que queremos corrigir.

Para as diferentes necessidades ou preferências do paciente, existem vários tipos de aparelhos dentários, que se dividem em dois grandes grupos: Removíveis e Fixos.

Em que situações deve utilizar?

É muito comum ter que se usar aparelho. São vários os estudos que indicam que são mais as pessoas que precisam de alinhar os dentes do que aquelas que não precisam.  

Estes são os principais sintomas que levam a que uma pessoa a ter que recorrer a uma solução ortodôntica:  

  • Dentes tortos e/ou apinhados.
  • Quando se morde e/ou corta a língua com frequência;
  • Quando se morde lado da bochecha com regularidade;
  • Dificuldade em pronunciar certos sons e palavras; 
  • As mandíbulas fazem barulho quando come;
  • A higienização dentária é difícil.

Imagem de dentes tortos - Mordida Cruzada
Dentes tortos (mordida cruzada)

Como é que os aparelhos dentários funcionam? Qual é o processo?

Como já foi dito, o aparelho dentário alinha os dentes ao exercer sobre eles uma pressão constante. Sendo assim, a cada dia que passa, estes vão-se movendo para a posição correta.

Os aparelhos dentários tradicionais são constituídos por 4 grandes elementos:

  • Brackets;
  • Fios (arcos);
  • Ligaduras metálicas ou elásticas;
  • Acessórios (elásticos ou molas);

Os arcos são fios metálicos que se conectam aos brackets e que, por norma, são trocados a cada 4 meses durante o tratamento. 

Já o bracket é uma pecinha colocada no dente que funciona como uma espécie de guia e que é utilizada para manter o arco no devido sítio e mover os dentes para o lugar certo. 

Com o decorrer do tempo, o Médico Dentista vai fazendo ajustes nessa estrutura, promovendo mais ou menos força e trazendo acessórios, como os elásticos, se necessário. 

Tudo funciona através de um processo biomecânico. As pequenas pressões, provocadas pelo aparelho, interferem na formação óssea e levam a que seja possível transformar uma arcada dentária totalmente desalinhada num sorriso perfeito, que sempre sonhou.

Na maior parte dos casos, o ortodontista inicia o processo com a limpeza dos dentes, para depois fixar os brackets com uma cola especial e ajustar os arcos.   

imagem de um paciente com aparelho dentário
Aparelho dentário tradicional

Onde colocar aparelho dentário?

O aparelho deve ser colocado um Médico Dentista e, em condições ideais, por um profissional especializado em Ortodontia. 

Na AngelSmile contamos com uma equipa amplamente capacitada para tratar todos os tipos de casos. Não deixe que os seus dentes tortos atrapalhem a sua vida. Sorria com confiança, de uma vez por todas.

Escusa de ter qualquer receio. Colocar o aparelho não causa qualquer tipo de dor e o processo leva apenas entre 1 e 2 horas a ficar concluído.

Tipos de Aparelhos Dentários

No que toca a aparelhos dentários, são várias as opções, das mais tradicionais (metálicas) às mais discretas. A seguir, conheça os diversos tipos de soluções e entenda qual destas pode ser a melhor para o seu caso. 

Aparelhos Dentários removíveis

Os aparelhos removíveis são aqueles que podem ser retirados pelo próprio paciente, sem ser necessária intervenção do Médico Dentista, em contexto de consultório. Dentro deste grupo, existem os aparelhos ortopédicos e os alinhadores.

Aparelhos ortopédicos

São sobretudo usados em crianças, durante a fase de crescimento, e trabalham a componente da ortopedia funcional dos maxilares. A utilização de aparelhos ortopédicos é uma solução eficaz, fisiológica e estável para os mais jovens. Estes aparelhos atuam durante o crescimento, permitindo estimular o desenvolvimento dos maxilares e o correto posicionamento dentário, evitando o agravamento de problemas existentes.

imagem de aparelho removivel ortopédico
Aparelho ortopédico

Alinhador Invisível

Mais usados por adultos, os alinhadores são bastante finos, transparentes e encaixam no dente com alguma pressão. Essa pressão vai movimentando o dente suavemente para a posição final pretendida. Por ser uma solução muito discreta e estética – fazendo com que ninguém perceba que está a usar aparelho ortodôntico – é cada vez mais uma solução desejada pelos pacientes, melhorando a imagem e aumentando a autoestima.

Um tratamento é composto por vários alinhadores. Quanto mais complexo é o caso, mais alinhadores são necessários para concluir o tratamento de forma eficaz. A movimentação é programada inicialmente num software, em que o paciente consegue ver a evolução e o ponto de situação em cada etapa e o resultado final que será possível atingir.

Muita gente conhece-os por Invisalign, mas esta é apenas uma marca de alinhadores. Atualmente, no mercado existem várias opções.

imagem dos alinhadores do aparelho invisível
Alinhador invisível

A movimentação é conseguida através da troca sequenciada dos alinhadores, que é feita sensivelmente de duas em duas semanas. É o próprio paciente a fazer essa troca, permitindo que o tratamento evolua sem que haja a necessidade de se dirigir à clínica com muita frequência.

Os alinhadores devem ser usados, no mínimo, 22 horas por dia, podendo ser retirados para comer ou fazer a higiene oral diária.

Aparelhos dentários fixos

São os modelos mais habituais e conhecidos. Existem vários tipos de aparelhos dentários fixos, que podem ser divididos em dois grandes grupos: os metálicos e os estéticos.

Metálicos (tratamento ortodôntico convencional)

São os mais conhecidos de todos os aparelhos dentários e os que habitualmente associamos a um tratamento ortodôntico. Neste tratamento, recorre-se a uma série de acessórios como bandas e brackets para garantir a movimentação dentária.

imagem de um aparelho dentário metálico
Aparelho tradicional

Aparelhos ortodônticos autoligados

A diferença entre os aparelhos convencionais e os autoligados está no atrito. O bracket autoligado provoca menos atrito e consegue fazer a movimentação dentária de maneira mais suave.

Por ter os arcos ligados diretamente aos brackets, não recorre à utilização das ‘borrachinhas’.

imagem de um aparelho autoligado
Aparelho autoligado

Estéticos


Aparelhos ortodônticos de cerâmica ou safira

São muito semelhantes aos aparelhos metálicos convencionais em termos de funcionamento, com a diferença de serem muito mais discretos. Este tipo de aparelhos fixos é feito num material semelhante à cor do nosso dente e, portanto, consegue ficar bastante mais subtil.

Imagem de aparelho estético - cerâmico
Aparelho estético (cerâmica)
Ortodontia lingual

Na ortodontia lingual, recorre-se a brackets prototipados, que são feitos à medida do dente de cada paciente, e que, em vez de serem colocados na face externa do dente, são aderidos na face interna, na face que está voltada para a língua.

Estes brackets são bastante arredondados, com uma espessura bastante reduzida, de forma a não interferir na dicção e não magoar a língua. Passam completamente despercebidos e ninguém nota que está a usar aparelho ortodôntico.

imagem de uma maquete de uma maquete de um aparelho lingual
Aparelho lingual

Que tipo de aparelho dentário deve usar?

Primeiro do que tudo, para perceber se precisa mesmo de utilizar um aparelho dentário, o ideal passa por consultar um Médico Dentista Ortodontista e tirar todas as suas dúvidas.  

Marque uma consulta e converse com ele. Este é o profissional certo para aconselhar e, caso necessário, definir o tratamento ideal para o seu caso. 

As vantagens e desvantagens de cada uma das opções está relacionada com aspetos ligados à estética, conforto e disponibilidade para a realização de consultas de manutenção.  

No fundo, para a escolha do aparelho é importante que olhe para os seus objetivos pessoais e profissionais, bem como para as suas necessidades, tendo sempre em conta a complexidade do seu caso.

Aparelhos Dentários: antes e depois

As mudanças são sempre nítidas. Os aparelhos dentários garantem resultados fantásticos, mesmo em casos mais “bicudos”. 

São, portanto, tratamentos que podem trazer mudanças significativas, corrigindo problemas de alinhamento dos dentes e proporcionando, em muitos casos, uma aparência mais simétrica à boca e ao queixo.

imagem de um antes e depois do aparelho dentário

Aparelho Dentário dói?

É comum sentir um pequeno desconforto nos primeiros dias, após a colocação do aparelho ou depois das consultas de manutenção. Em todo o caso, para a maioria dos pacientes, é algo extremamente suportável. 

Além disso, é possível que os seus lábios e bochechas precisem de um período de habituação –  que pode levar cerca de uma semana. 

O que fazer quando tenho dores?

Se tiver dores, há certas coisas que podem ajudar, tais como:

  1. Tomar analégicos orais, como o paracetamol;
  2. Aplicar um gel anestésico, que pode encontrar nas farmácias e parafarmácias. 
  3. Enxaguar a boca com solução salina;
  4. Utilizar cera ortodôntica;
  5. Optar por alimentos macios.

Quando não se tem os dentes todos é possível usar aparelho?

Cada caso é um caso, mas a resposta é, por norma, um redondo sim! Na realidade, quando existe falta de dentes, os dentes adjacentes tendem a ocupar o espaço vazio e, tal facto, pode levar a sérios problemas dentários. 

Assim sendo, o tratamento ortodôntico tem o potencial de prevenir que isso tenha lugar e de corrigir possíveis problemas que possam acontecer como resultado da perda de dentes. 

Quanto tempo demora um tratamento com aparelhos dentários?

Tudo vai depender da complexidade de cada situação. 

Geralmente, o tratamento ronda os 2 anos. Mas pode variar. 

Há pacientes que concluem o processo em menos de 12 meses (casos muito leves) e outros que demoram quase 3 anos a ver a sua situação resolvida (casos graves). 

imagem do processo de colocação do aparelho dentário
Colagem dos brackets

Como se tira o aparelho dentário?

Em geral, o aparelho é retirado apenas numa única consulta. A remoção não costuma demorar mais do que 1 hora. 

Durante o processo, o Médico Dentista utiliza um raspador ou um polidor para tirar a cola dos dentes e retirar dos brackets.  

Preço dos Aparelhos Dentários

O valor do tratamento varia conforme o tipo de aparelho que é escolhido, da dificuldade do caso e até da idade do paciente. 

Por exemplo, os alinhadores invisíveis trazem muitas vantagens – estéticas e de higiene – mas são mais caros do que os aparelhos fixos metálicos. 

O preço de um tratamento ortodôntico pode variar entre os 1000 e os 5000 euros

Qual deles é o mais barato?

Se quer corrigir o seu sorriso, a opção mais económica acaba por ser o aparelho fixo metálico, que garante excelentes resultados. 

Este é o tratamento ortodôntico mais conhecido e mais usado. 

Os preços da versão standard deste aparelho iniciam em valores por volta dos 1000 euros, sendo que as consultas de manutenção custam, por norma, entre 30 e 40 euros. 

Cuidados Higiénicos

Após a colocação do aparelho dentário, é fundamental que reforce os seus cuidados de higiene bucal, uma vez que existe uma maior probabilidade das bactérias, tal como os restos de comida, se alojarem na cavidade dos dentes e também nos brackets. 

Assim sendo, para manter a sua boca saudável, deve escovar os seus dentes 3 vezes por dia, após as principais refeições, e complementar essa escovagem com a utilização de fio dentário, de elixir e, se necessário, de um escovilhão. 

Como limpar os aparelhos dentários

Manter os dentes limpos e as gengivas saudáveis só depende de si. A higiene oral nunca deve ser desleixada, ainda para mais quando está a utilizar um aparelho. Fique agora com algumas recomendações para manter o seu radiante e evitar problemas: 

  • Use uma escova adequada;
  • Limpe os brackets com cuidado e ao seu redor;
  • Utilize o fio dentário com frequência e afinco;
  • Invista num escovilhão;
  • Nunca se esqueça de escovar a língua;
  • Faça bochechos com elixires antissépticos.

Escova de dentes para aparelho dentário

Para a escovagem dos dentes, deve optar por uma escova macia e de pontas arredondadas. As escovas mais duras podem danificar as gengivas e o esmalte dos dentes, se forem usadas incorretamente. Fale com o Médico Dentista sobre isto. Estamos certos de que este profissional vai recomendar a escova certa para si. 

Imagem de médica dentista a segurar numa escova de dentes

Escovinha para aparelho dentário

Há umas escovas muito pequeninas, à venda na farmácia, que lhe podem ser muito úteis, na hora fazer a higiene bucal diária. 

Estas são chamadas de escovilhão e ajudam a remover os restos de alimentos, que ficam presos entre os arcos e os brackets.   

Preciso ter algum cuidado com a alimentação?

Enquanto estiver a fazer um tratamento ortodôntico fixo, é importante que evite alimentos mais duros, pegajosos e açucarados, para não correr o risco de danificar o aparelho. 

Alimentos que devem ser evitados

  • Pipocas;
  • Caramelos;
  • Pastilhas elásticas;
  • Nozes;
  • Gomas;
  • Rebuçados;
  • Castanhas;
  • Refrigerantes;
  • Pretzels.

Alimentos ideiais para quem tem aparelho dentário 

  • Aveia;
  • Iogurte;
  • Gelatina;
  • Ovos Mexidos;
  • Fruta cortada em pedaços;
  • Puré de batata;
  • Gelados;
  • Legumes.

Conclusão 

Como teve a oportunidade de perceber, os aparelhos dentários e os alinhadores são as opções certas para resolver problemas associados ao posicionamento dos dentes.

O facto de se ter os dentes desalinhados não afeta apenas a autoestima de uma pessoa. Pode também ter consequências para a saúde bucal.  

Por isso, é importante agir o quanto antes. 

Atualmente, existem opções muito eficazes e algumas delas são até praticamente invisíveis. 

Este artigo foi útil para esclarecer algumas dúvidas que tinha?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Imagem de paciente a ranger os dentes (bruxismo)

Tudo sobre o Bruxismo: o que é, quais são os sintomas e como tratar?

O bruxismo é uma atividade involuntária pode trazer várias complicações na boca. Fique a saber como deve enfrentar este problema.
imagem exemplo de um blog

Tudo sobre a Sensibilidade Dentária: quais são os sintomas e como tratar?

Neste artigo saiba como quais são as causas da sensibilidade dentária e de que forma a pode prevenir e tratar. Fique por dentro de tudo.
imagem de um implante dentário em titânio

Titânio: por que é tão importante para a Medicina Dentária?

O Titânio é um material muito polivalente e, melhor do que tudo, biocompatível. Neste artigo vai ficar a perceber porque é tão usado na Medicina Dentária.

Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

Quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

Sobre a
AngelSmile

foto clinica angelsmile lisboa

Obtenha o sorriso que sempre desejou de forma fácil e organizada.

Cada visita é planeada com clareza. Sabe sempre o que está a acontecer e o dinheiro deixou de ser umproblema impeditivo. Descubra

Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

©2021 AngelSmile.Todos os direitos reservados.
©2021 AngelSmile. Todos os direitos reservados.