Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de 

Aparelho Dentário ?

Preço do tratamento de Aparelho Dentário ?

logo principal AngelSmile

Aparelho Dentário

O que é a Mordida Cruzada? Saiba como identificar e que tratamentos existem

imagem de um caso de Mordida Cruzada

A mordida cruzada é um problema muito comum, que normalmente surge na infância, e que pode ter consequências graves. 

Por isso, é essencial que seja detetada e tratada da forma mais precoce possível. 

Quer saber como pode identificar e tratar esta condição dentária? E que diferentes opções tem à sua disposição?

Então, vai achar este nosso artigo muito interessante. 

Fique por dentro de tudo.

Vamos a isso?

O que é a mordida cruzada?

A mordida cruzada é uma condição dentária que se caracteriza pelo desalinhamento dos maxilares ou dos dentes. 

De maneira simples, acontece quando os dentes não se encaixam adequadamente na boca, quando esta está fechada. 

Tal desalinhamento pode afetar um dente ou vários, na parte frontal ou na parte posterior da boca. É, no fundo, um tipo de má oclusão, observando-se tanto em adultos como em crianças.

Esta circunstância, também conhecida por mordida invertida, é bastante frente, sendo que, muitas vezes, o paciente aparenta ter a “boca torta”, devido ao desvio mandibular que pode estar envolvido. 

Além do ponto de vista estético, que costuma ter repercussões enormes na autoestima de uma pessoa, este problema pode trazer várias complicações e muitas dores. 

E, por isso mesmo, o tratamento revela-se como algo essencial, apresentando, por norma, excelentes resultados. 

Existem vários tipos de mordida cruzada, que se dividem em 2 grandes grupos: mordida cruzada anterior e mordida cruzada posterior.

Mordida Cruzada Posterior

Ocorre quando os dentes de trás não se encaixam. 

Ou seja, quando os dentes laterais ficam invertidos durante a mordida e a arcada superior fecha por dentro dos dentes inferiores. 

Este tipo de maloclusão deve ser tratada com expansão maxilar, logo que possível. 

Mordida Cruzada Anterior

Acontece quando os dentes superiores da frente passam por trás dos dentes inferiores. Como o maxilar fica adiantado em relação ao maxilar, o queixo da pessoa é projetado, o que cria um aspecto facial antiestético.

Mordida Cruzada Unilateral e Bilateral

A mordida cruzada também pode ser unilateral ou bilateral.

É unilateral quando a inversão do fecho dos dentes ocorre apenas num dos lados dos maxilares e é bilateral quando se verifica em ambos os lados.

Médico Dentista a falar com o paciente

Causas e sintomas da mordida cruzada

Este problema pode ter diversas causas e provoca diferentes tipos de sintomas. Uma identificação precoce da mordida cruzada torna o tratamento, geralmente, mais simples.

Causas: o que está na origem?

A mordida cruzada pode ser motivada por fatores genéticos, ambientais e funcionais. Estes são os mais comuns: 

  • Genética e hereditariedade: certas pessoas nascem com o osso da mandíbula mais largo do que o superior e isso leva, desde logo, a que os dentes “fujam” da posição ideal;
  • Crescimento anormal dos dentes;
  • Crescimento dos dentes atrasado: por vezes, os dentes superiores e os inferiores crescem num ritmo e em momentos diferentes, algo que pode fazer com que fiquem mais afastados;
  • Chupar o dedo ou usar chupeta durante um longo período de tempo;
  • Falta de espaço na boca;
  • Respirar pela boca: nos casos em que existe um problema anatómico no nariz ou garganta, o desenvolvimento do maxilar pode sair prejudicado e isso leva ao desalinhamento dos dentes;
  • Perda dos dentes de leite antes ou depois do tempo devido.

Quais são os sintomas? 

Além do fator visível, que é o claro desalinhamento dos dentes, a mordida cruzada pode causar alguns sintomas, que se podem vir a agravar com o tempo. Estes são: 

  1. Dor de cabeça;
  2. Zumbidos nos ouvidos;
  3. Mordidas acidentais das bochechas;
  4. Dificuldades na movimentação da mandíbula;
  5. A mandíbula provoca ruídos.

Imagem de paciente com dor na mandíbula
Dor e zumbido nos ouvidos são sinais comuns provocados pela mordida cruzada

E as consequências?

A mordida cruzada deve ser tratada o mais rapidamente possível, uma vez que, tal como já foi dito, pode causar mil e um problemas. 

Anteriormente, abordamos a questão dos sintomas mais habituais. Agora vamos virar atenções sobre as principais consequências desta condição dentária: 

  • Autoestima da pessoa fica transtornada;
  • Perturba fonética, mastigação e respiração;
  • Desgasta dentes e gengivas;
  • Pode danificar articulações dos maxilares,
  • Aumenta o risco do aparecimento do bruxismo;
  • Risco de apneia do sono aumentado;
  • Maior probabilidade de cárie dentária.

É necessário usar aparelho dentário?

Na maior parte dos casos, as mordidas cruzadas são tratadas com aparelhos dentários. O objetivo passa por endireitar os dentes tortos, aplicando uma pressão correta. 

O tratamento ortodôntico pode fazer uso do expansor palatino, bem como de aparelhos fixos ou removíveis e até invisíveis. 

Mas tudo depende da especificidade de cada caso. Existem vários tipos de aparelhos dentários que podem ajudar nesta patologia.

Por exemplo, há certas situações que são resolvidas apenas com recurso à cirurgia. 

O ideal é que se marque uma consulta no Médico Dentista, de forma a avaliar qual é a solução certa para a sua situação específica.

Aparelho para mordida cruzada infantil

É muito importante que se realize uma consulta de avaliação ortodôntica,  por volta dos 6 anos de idade.

A intenção passa por descartarem-se problemas. Ou, por outro lado, agir prontamente, caso existam. 

Quando uma mordida cruzada é identificada na infância, o tratamento pode ter lugar antes dos 10 anos de idade, com recurso a aparelhos dentários e a expansores palatinos. 

Neste caso, o que se pretende é expandir o maxilar e resolver o problema do desalinhamento dos dentes.

O bruxismo tem relação com a mordida cruzada?

Caso a mordida cruzada não seja tratada durante a infância pode evoluir e causar problemas ainda mais sérios, durante a fase adulta. O bruxismo é um desses casos. 

Dessa forma, assim que esta seja detetada, é fundamental que proceda ao devido tratamento, junto do Médico Dentista, para que não corra mais riscos. 

imagem de pessoa a ranger os dentes (bruxismo)

A mordida cruzada tem tratamento?

Sim, tem!

Há vários tratamentos que podem ser recomendados para a correção da mordida cruzada. Mas somente o dentista pode fazer uma avaliação e indicar-lhe qual o caminho que deve seguir.  

Nos casos mais leves , as mordidas cruzadas são, por norma, resolvidas com recurso ao tratamento ortodôntico. Há diversas opções, tendo em conta o estilo de vida, os gostos e as necessidades de cada paciente.

Podem ser usados aparelhos de cerâmica, metal e até os cada vez mais utilizados alinhadores transparentes. 

O tempo do tratamento varia conforme a complexidade e a gravidade de cada caso, sendo que pode ir de 18 meses a 3 anos, em traços gerais. 

Já nos casos mais graves, a cirurgia da mandíbula pode ser aconselhada. Normalmente, opta-se pela cirurgia ortognática, que permite reposicionar os maxilares. 

Nota: quanto mais rapidamente o problema for identificado e tratado, maiores são as probabilidades de sucesso do tratamento recorrendo-se à ortodontia. 

Conclusão

A mordida cruzada é um dos problemas mais recorrentes, que necessitam de intervenção por parte do Médico Dentista. 

Além de causar grandes transtornos na autoestima das pessoas, pode trazer vários sintomas e consequências bem complicadas. 

Em boa parte dos casos, um tratamento ortodôntico é a solução. Contudo, em situações mais graves, cirurgia ortognática também pode ser indicada. 

Se sofre deste problema, é muito importante que procure ajuda!

Marque uma consulta e saiba, ao certo, o que deve fazer. Pela sua saúde, não deixe arrastar esse assunto. 

Estamos sempre disponíveis para responder a qualquer dúvida. Caso tenha alguma, contacte-nos ou deixe um comentário. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
imagem exemplo de um blog

Tudo sobre a Sensibilidade Dentária: quais são os sintomas, as causas, e como tratar?

Neste artigo saiba como quais são as causas da sensibilidade dentária e de que forma a pode prevenir e tratar. Fique por dentro de tudo.
imagem de um implante dentário em titânio

Titânio: por que é tão importante para a Medicina Dentária?

O Titânio é um material muito polivalente e, melhor do que tudo, biocompatível. Neste artigo vai ficar a perceber porque é tão usado na Medicina Dentária.
imagem de um dos tipos de aparelhos dentários

Tipos de aparelhos dentários – tudo o que precisa de saber

Quer ficar a conhecer que tipos de aparelhos dentários existem e qual poderá ser a melhor opção para o seu caso? Então descubra neste artigo.

Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

Quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

Sobre a
AngelSmile

foto clinica angelsmile lisboa

Obtenha o sorriso que sempre desejou de forma fácil e organizada.

Cada visita é planeada com clareza. Sabe sempre o que está a acontecer e o dinheiro deixou de ser umproblema impeditivo. Descubra

Fique a saber quanto custará o seu Tratamento de

Aparelho Dentário ?

Responda ao nosso Quiz e personalizaremos o seu sorriso.

As nossas Clínicas

Tratamento à distância

©2021 AngelSmile.Todos os direitos reservados.
©2021 AngelSmile. Todos os direitos reservados.

Damos valor à sua privacidade. Ao clicar em "Aceitar", concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para uma melhor experiência por parte do utilizador e ajudar nas nossas iniciativas de marketing. Saiba mais

Damos valor à sua privacidade. Ao clicar em "Aceitar", concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para uma melhor experiência por parte do utilizador e ajudar nas nossas iniciativas de marketing. Saiba mais